sábado, março 03, 2007

137-a Amizade...


Este é o conceito mais que Universal para definir Amizade , assim este sentimento é conforme se lé na Wikipédia, e passo a citar " um relacionamento humano que envolve conhecimento mútuo, estima e afeição. Amigos sentem-se bem na companhia uns dos outros e possuem um sentimento de lealdade entre si, ao ponto de colocarem os interesses dos outros antes dos próprios interesses. Amigos possuem gostos similares ou não, que podem convergir. Amizade resume-se em lealdade, confiança e amor. Amigos são pessoas muito importantes na nossa vida, sendo irmãos ou mesmo tornando-se irmãos. Podemos contar, desabafar e confiar neles..."
Podia ficar por aqui a enumerar 1001 situações que nos transmitem esse sentimento, no entanto, por vezes há momentos que fazem disparar sensações e impulsos quiçá transmitidos por uma força externa a nós e, sem medirmos consequências acabamos por ferir , por maltratar , até desprezar muitas dessas atitudes que ao longo dos tempos, nos deram a sensação dessa Amizade lactente, de repente por razões que desconhecemos, sentimos que algo se desmorona à nossa volta e por muito que queiramos encontrar a razão, ela fica com quem tem um comportamento alterado nunca chegando ao nosso conhecimento simplesmente, porque "o outro" nem sequer nos quer ouvir, fazendo prevalecer a sua vontade para deitar por terra a Amizade construída em conjunto.
Há dias assim , e eu não sendo excepção à regra senti-me mal quando sem razão para tal me vi envolvido por uma troca de palavras demasiadamente azedas, levando a uma alteração de "tom de vóz" , numa agressividade que me doeu, como se de repente não nos conhecessemos e no momento virássemos inimigos.
Numa participação que tenho feito um pouco por todo o lado, dando a conhecer parte da vivência e do significado da auto-ajuda, procuro um pouco dentro do que é essencial , para um desenvolvimento da auto-ajuda, da auto-estima, da nossa presença perante outros, do nosso modo de viver e ultrapassar situações menos boas, dizia eu, para dar a conhecer um pouco de mim e da forma como ultrapassei esses momentos, me fundamento numa pequena oração, não de carácter "religioso" , mas mais direccionada para o meu "eu" interior e que diz ser importante apoiarmo-nos em 3 palavras :

- Serenidade para aceitar as coisas que não podemos modificar,
- Coragem para modificarmos o que é possível,
- Sabedoria para distinguirmos umas das outras...

Há muitas pessoas a colocarem em prática este ensinamento, também no que concerne à Amizade isto devia ser posto em prática, por vezes disparamos em todas as direcções, em particular quando algo não nos corre bem, e os primeiros a aparecer à nossa frente são os que levam por tabela, na maioria das vezes sem qualquer culpa. É pena que passamos cá para fora, sem saber o impacto que isso pode ter no desenrolar de uma Amizade , até então verdadeira, a qual com palavras não medidas podem levar a um despejar de palavras fúteis e recheadas de sem razão, só porque não nos inteirámos da verdade, do porquê, da razão...
Quando menos esperamos , acontece, e também aconteceu comigo, e também aconteceu com "ele" , o facto de não se estar disponível para saber a verdade dos factos, leva a cenas que , das duas uma, ou são inconscientes ao serem proferidas, ou existe mesmo intensão de magoar quem até então nos é querido.
Não conheço inimigos, nunca conheci , já conheci muitos adversários, pessoas que sabem colocar questões e aprofundar a veracidade de factos , agora que alguma vez as tenha sentido como inimigos , jamais...
Por norma , as pessoas quando sentem estar a perder algo, quer por uma mudança do próprio comportamento, ou simplesmente porque a razão não lhes assiste , geralmente tornam-se violentas, levados por uma febre de conseguir até mesmo pela força aquele que é o conceito da verdadeira Amizade, mas esse não se roga, não sai na lotaria, não se compra, não se clama ... esse se cimenta a cada dia que passa em comunhão, esse sim é o pilar fundamental que fortalecerá a Amizade.
É verdade que uma andorinha não fáz a primavera, pode quando muito tornar diferente o chilrear de uma orquestração em conjunto, mas decerto as restantes conseguirão com o tempo encontrar o "tom" deixado vago pela que decidiu nos abandonar.
Como disse, não conheço inimigos, nem estou aqui para me armar em gladiador por uma causa que a mim não diz respeito, e ir à luta pelo simples prazer de sangrar, não me coaduno com esse principio, nem nunca o farei, para mim os Amigos são muito mais importantes que isso...

Um abraço com Amizade e boa semana / GW

9 comentários:

  1. Pensei, pensei e consegui saber o porquê, e não é que consegui.
    Amigão, os cães ladram e a caravana passam, e até te digo mais , este cão, até nem sabe ladrar muito bem, sente-se ferido e "late" simplesmente, enfim, são consciências , desconciencilizadas, ocas, eu sei que tens razão, e para mim e acredito que para a maioria assim é, ainda mais quando sabemos o porquê de tal.

    Não é uma pessoa que te torna mais ou menos Amigo, quando a tua Amizade é plena para quem te rodeia, para quem nos rodeia.

    ResponderEliminar
  2. "A amizade é um amor que nunca morre".

    Mário Quintana
    ~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*

    Amo TU, AMIGO do meu Colaxão

    Beijinho da sp Amiga

    MIUDA

    ResponderEliminar
  3. Ana (Piroscka)1:02 da tarde

    GW, cada caso é um caso, por mim tenho em consciência que aprendi muito consigo desde que me "passeio" por este Blog.
    Não é necessário muitas palavras, basta estar atenta e cada uma é um ensinamento profundo.

    estou Agradecida por tal
    um beijito
    (Piroscka)

    ResponderEliminar
  4. Carlos Martins- eu23:41 da tarde

    Os conceitos de amizade sao tantos e tão dispares q cada um assume os q quer, o meu conceito principal de amizade é:
    Ser Amigo é respeitar o outro, e para mim tudo gira a volta disto,mas tb servia o conceito q colocaste "Amigo! Alguém q sabe tudo a nosso respeito e gosta de gente assim mesmo." E sendo assim pergunto, será q sabem mesmo porque o dito cão vos abandonou naquele dia? Será q sabem mesmo se ele ( o cão ) vos mede hoje todos pela mesma bitola? É facil opinar sobre os outros e a vida dos outros, e o respeito pelos outros onde fica? E depois mais, será amigo ou foi amigo alguém q opina sobre o cão e nem se identifica? Será q isto alguma vez foi amizade?NUm grupo de amigos não há pais e mães nem lideres, e a imposição da nossa maneira de ser para mim é simplesmente falta de respeito e não uma frase sobre amizade, fiquem bem.

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  6. LígiaGaspar(Vibora)4:55 da tarde

    Onde será que está a consciência da dita pessoa que deixou a mensagens anterior, hein?? Será que tem?? se a tivesse, acho eu e na minha modesta opinião, ao chamar cão a outra pessoa, teria no minimo deixado a sua identificação. Com isto não estou a querer julgar a sua forma de pensar ou falar, mas ao falar e julgarmos os outros aos menos temos que mostrar uma certa dignidade.

    Só me ocorre neste momento uma frase, de um amigo muito querido, que na sua bebedeira dizia: "Sejamos Homenzinhas..."

    Para ti general, as minhas desculpas por deixar este tipo de mensagens no teu blog, nem faz o meu genero responder a certas coisas, normalmente ignoro, grande parte das vezes acho ser a melhor forma.
    Um Abraço****

    Vibora(Lígiagaspar)

    ResponderEliminar
  7. Amigos, Todas as situações ao serem transcritas e/ou trazidas para o Blog, estão á partida sujeitas à discussão de quem o lê e comentários os há de todas as formas e feitios , sigam esses comentários o critério que cada qual julgar conveniente, não há para mim, comentários negativos ou positivos, há sim um todo "rol" de palavras que decerto nos trarão formas de aprender/e/ou corrigir em cada uma e da forma que nos aprouver.
    O texto em questão, partiu de mim como um desabafo, de tristeza, de sentimento, de mágoa, quiçá de perca, pelo sucedido, nesse sentido apesar dos comentários serem livres, (e é assim que acho que devem ser) gostava que não interferissem de forma menos educada, sobre o tema, há muitas formas e boas de debater um tema, sem menosprezar, e para a 1ª mensagem/comentário, o que está escrito vai para além do sentido que pessoalmente dei ao texto.
    Poucos saberão o que se passou, até eu mesmo não saberei tudo, resta-me a mim, falar de mim e só de mim, e esse foi o propósito que tive, como disse de transmitir tristeza e mágoa pelo sucedido.
    Esse contexto decerto terá outras palavras para expressar favor ou desagrado, mas que o emsmo seja feito , respeitando, sabendo respeitar.
    Qto a mim, a mágoa existe se o seu contrário não for conseguido, e esse eu farei por conseguir concerteza, apesar de o mesmo não estar só nas minhas mãos.

    Um abraço a todos
    ---
    GW

    ResponderEliminar
  8. lindo, simplesmene lindo e tocante. beijinho
    bell@

    ResponderEliminar