domingo, novembro 25, 2007

174-Você aprende... ( parte II )

Se nós esquecemos ou simplesmente nem nos queremos lembrar que podemos ser bem melhores do que até aqui, então temos o caldo entornado . Jamais podemos apoiar-nos nos outros e esperar que as coisas nos caiam do céu, mas antes e acima de tudo ir á luta e procurar aprender o que nos é mostrado e permitido.
Aprendemos que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que tivemos ao logo dos tempos e o que cada um de nós aprendeu com essas experiências. Aprendemos que há muito em nós transmitido pelos nossos pais e companheiros de uma vida. Aprendemos que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são miragens e não existem. Aprendemos que quando estamos com raiva é porque se tem o direito de estar com raiva, mas isso não dá a cda um de nós o direito de sermos tanta vez crueis.
Muitas vezes ao descobrirmos que alguém não nos ama do jeito que que queremos, no entanto tal não significa que esse alguém não nos ama com tudo o que pode e da forma que sabe, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver a situação, mas elas estão conosco.
Aprende-se que nem sempre é suficiente ser-se perdoado por alguém, e acima de tudo , (quase sempre) sabermos aprender a perdoar a si mesmo. E depois, estarmos cientes que não importa em quantos pedaços nosso coração foi partido, pois sabemos que o mundo não irá parar para que você o conserte. Aprendemos que o tempo não é algo que possa voltar para trás.
Li isto algures e me marcou , e muito... "plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. "
Se aprendermos o suficiente conseguiremos suportar qualquer coisa, porque aí sim, seremos realmente fortes, sabendo que podemos ir cada vez mais longe, quando julgavamos já não sermos capazes... é assim meus amigos, o aprender está já ali, numa porta que se abre e que nós teimosamente tanta vez teimamos em manter fechada...
Boa semana para todos / GW

4 comentários:

  1. olá amigo,a minha porta de aprendizagem esta sempre aberta.
    Claro que sou ser humano e não sou o sufeciente forte para resolver todas as situasoes que vou aparecendo,tento sim resolver da melhor forma possivel.
    Fique bem jinhos :)**

    ResponderEliminar
  2. olá mais uma vez desc mas andei a cuscar o seu blog e encontrei estas palavras vem no começo do blog que adorei e sentimos que foram escritas com o coração:
    : -Talvez sejam estas, as palavras que nunca Vos direi... as que escrevo, quero que sejam partilhadas, com cada um de Vós, onde penso ter um Amigo, que saiba receber, escutar, saber estar no momento preciso, saber dar a mão sem nada exigir em troca, mas acima de tudo o ter a noção que algures alguém precisa de Si, e que uma SÓ PALAVRA será contributo importante para deixar um sorriso em nossa face e um brilho em nosso olhar...
    espero,poder dar a mão quando precisar,escutar, estar no momento certo fique bem :)*

    ResponderEliminar
  3. Paulita,
    Amiga, fazes referência sobre "As palavras que nunca te direi..." e é engraçado que ainda ontem (re)vi o filme com esse título.
    Sabes, por vezes apetece-me também rever textos escritos por mim em tempos idos, e como eles me fazem sentir bem também.
    Por vezes receio escrever coisas que nada digam a outros, mas sou assim, e é assim que me sinto bem...
    Beijito para Ti e boa semana

    ResponderEliminar