sexta-feira, fevereiro 08, 2008

185-Porquê ?

Tanto me têm perguntado ultimamente o porquê de , sendo eu uma pessoa sempre, ou quase sempre bem disposta, alegre, brincalhão, onde raramente se via uma pontinha de desagrado ou tristeza pelo que fosse, deixar cair, dizia eu, estes últimos dias, e em particular nas ultimas postagens do Blog algo de tristeza, dizendo-me até esses amigos que pareço ter perdido o brilho dos meus olhos.
É verdade, este não vai ser uma das postagens mais felizes, continuo de semblante carregado, não que a Vossa ajuda e as Vossas palavras deixem de ser imprtantes, nada disso, aliás até agradeço, só que no momento nem sei sequer como retribuir, como transmitir até esse lado, até cada um de Vós um pouco dessa alegria que como dizem , me caracterizava.
Apesar dos altos e baixos constantes, tenho procurado previlegiar o bem estar dos que me rodeiam, mas, momentos há em nossas vidas que por mais que queiramos, acabamos por nso sentir impotentes perante o que desejamos para outros, nomeadamente quando se trata de aliviar a dor de alguém. Um carinho sempre se dá, mas noto, ser tão pouco perante o que é meu dever fazer para aliviar essa dor.
Quando acabava por me habituar a uma situação dificil, vivida fáz agora dois anos, hoje felizmente quase ultrapassada, vejo-me confrontado com uma assistência que queria eu fosse a melhor possível, ao qual o nosso serviço de saúde não pode ou não sabe corresponder favorávelmente, noto a cada dia que passa um maior sofrimento em alguém, pela minha incapacidade em ajudar aquela que comigo partilha uma vida em comum de já 33 anos... Queria poder fazer mais, queria poder dar mais de mim, queria poder ter em minhas mãos o alívio para uma dor que se arrasta... Ontem senti nos seus olhos mais uma vez um sofrimento silencioso de quem não quer dar a conhecer e com isso deixar triste os que lhe são próximos...
Dou por mim a esperar demais para fazer o que é preciso ser feito, num mundo que só nos dá um dia de cada vez, sem nenhuma garantia do amanhã. Enquanto isso lamentamos que a vida é curta, e acabamos por agir como se tivéssemos à nossa disposição um stock inesgotável de tempo para viver, sabendo de ante-mão não ser assim... A verdade porém é que quero ter todo o tempo do mundo e esse eu tenho-o, quero ser forte e estar contigo pelo menos por mais 33 anos, e acima de tudo que os possas viver sem os contratempos de uma dor que ultimamente não te tem permitido estar bem.
É este o meu sentir do momento, é esta a minha forma de estar nos últimos tempos, nem sempre o sorriso vem, nem sempre há um brilho em nosso olhar, é esta uma das razões do meu afastamento "pessoal" do "chat" , da net, - é este o momento que possuo, que é o estar disponível onde mais posso dar de mim...
Sei que este espaço apesar de ser pessoal, tem muitos leitores, sei também que muitas das coisas que nós escrevemos , sejam onde for, acabam por ser transportadas também para o íntimo de quem as lê, mas sou assim, é esta a forma de ser e de estar a que me habituei, partilhando momentos... bons... maus... assim-assim...

6 comentários:

  1. Que posso eu dizer,faz muito bem em partilhar,os bons os maus momentos.
    Por vezes só nos faz bem falar ,tkl neste caso.
    E sei que vai ter forças,e como retrubuir,já retribui ao partilhar algo que é pessoal.
    Um bem acha por ser assim.e esperando que tudo se resolva pelo melhor.
    beijinho
    E as melhoras.Para a esposa

    ResponderEliminar
  2. Marta (Martita)3:35 da tarde

    Um beijito carinhoso General

    ***************

    ResponderEliminar
  3. De facto a sua postagem tocou-me no intimo, por vezes temos a sensação de impotência, um enorme vazio daquilo que se pode fazer e não faz, do enorme PORQUÊ ... mas nem sempre està nas nossas mãos, podemos (como diz)estar disponível, dar do nosso tempo, carinho, amizade, palavras, conforto e ternura.

    um forte abraço

    ResponderEliminar
  4. Amigão, nunca as tuas palavras serão demais, sabes, nunca deixes de falar, nós estaremos sempre por aqui.
    Um abraço com amizade rapáz

    Zé (s.pedro)

    ResponderEliminar
  5. AnónimaSimplesmente12:55 da tarde

    Um beijinho a si general e o melhor para vcs . fáz falta na Jardim, a sala não é a mesma.
    muita força aí.
    ************************

    ResponderEliminar