terça-feira, novembro 14, 2006

120-Sobre a Diabetes


Há situações na nossa vida que só nos lembramos que elas existem quando nos acontecem, assim é um pouco com tudo o que nos rodeia, Enquanto andamos bem nada nos passa pela cabeça , nem imaginamos ou não queremos sequer pensar nisso, ou seja, o que acontece aos outros pode ser que não nos aconteça a nós.
___________________________________
Celebra-se a 14 de Novembro o dia Mundial da Diabetes, pelas estatísticas existentes sobre esta doença, é bem possível que Você tenha alguém na família padecendo deste mal. A verdade é que tão pouco nos debruçamos sobre certas situações quando é mais que a nossa obrigação estarmos alerta e preparados para minimizar uma proximidade de situação de risco. Não necessitamos ser médicos ou estarmos doentes, é preciso sim, tomarmos o devido conhecimento que nos leve a viver de forma a que haja uma prevenção atempada. Todos sabemos mudar uma lâmpada sem sermos electricistas, todos sabemos fazer bolos sem sermos pasteleiros, todos de certo modo conseguimos fazer um pouco de tudo sem estarmos habilitados com a devida carteira profissional. Então, porque é que teimamos em deixar para os médicos a orientação para uma prevenção a esta e a outras doenças. Será que não podemos nós através de uma leitura, a qual hoje por exemplo com a net , se torna tão fácil e elucidativa, estando a informação tão necessária à distância de um simples clik .
Como decerto sabem a diabetes assim como as doenças cardíacas são duas das doenças crónicas que teimam em “atacar” cada vez mais a nível mundial. Presume-se que só na Europa, possam existir mais de 10 milhões de pessoas portadores e sofrendo no seu dia-a-dia de diabetes. Pelo que li, muitos daqueles que desenvolvem a doença enquanto jovens podem controlar os sintomas da mesma, se estiverem atentos em relação àquilo que comem, praticando uma alimentação conforme. Poder-se-á tornar fatal quando estamos na presença da diabetes juvenil a qual é frequentemente mais grave, tornando-se numa cavalgada sem controlo se não houver injecções regulares de insulina. Com o passar do tempo, mesmo mantendo uma boa medicação e/ou terapêutica, os diabéticos, qualquer que seja o seu tipo, apresentam um maior risco de problemas de saúde significativos. Não se pode ficar alheio a que as doenças cardiovasculares são responsáveis por 12 milhões de mortes por ano no mundo inteiro, representando na Europa, mais de metade de toda a mortalidade nas pessoas com mais de 65 anos.
Numa definição para a Diabetes pode ler-se “ a Diabetes é uma doença em que o organismo não controla eficazmente a quantidade de açúcar (glicose) no sangue, bem como a sua produção e consumo pelas células. A insulina é uma hormona importante, libertada pelo pâncreas quando há muita glicose no sangue, indicando às células que devem captar essa glicose.” Nos dois tipos conhecidos, a diabetes tipo 1 surge normalmente na infância e é causada pela destruição das células que produzem insulina. Estes doentes têm assim que injectar insulina diariamente. A diabetes tipo II é mais frequente e apesar do pâncreas conseguir produzir insulina, as células do organismo deixam de responder eficazmente a essa hormona. A maioria dos doentes com diabetes tipo II são obesos. Para poder fazer sobre si uma avaliação tome nota que:
Pessoas com níveis altos ou mal controlados de glicose no sangue podem apresentar:

Muita sede;
Vontade de urinar diversas vezes;
Perda de peso (mesmo sentindo mais fome e comendo mais do que o habitual);
Fome exagerada;
Visão embaçiada;
Infecções repetidas na pele ou mucosas;
Machucados que demoram a cicatrizar;
Fadiga (cansaço inexplicável);
Dores nas pernas por causa da má circulação.

Em alguns casos não surgem sintomas, ocorrendo isto com maior frequência no diabetes tipo 2. Neste caso, a pessoa pode passar muitos meses, às vezes anos, para descobrir a doença. Os sintomas muitas vezes são vagos, como formigueiro nas mãos e pés. Portanto, é importante pesquisar diabetes em todas as pessoas com mais de 40 anos de idade. Não esqueço os momentos dramáticos vividos por dois parentes próximos em que a diabetes obrigou à amputação de partes dos membros inferiores e num deles após algum tempo até à morte.
Experimentem a abrir as url’s a seguir, em que uma apresenta várias receitas próprias para quem sofre da diabetes e ou outro, apresenta uma página onde poderá “fazer” um checkup

http://www.gastronomias.com/diabetes/inicio.htm
http://www.checkup.med.br/nuke/modules.php?name=Teste_Diabetes

Bem, por hoje fico-me por aqui, na esperança que tudo esteja bem por aí.
GW

3 comentários:

  1. Realmente uma das doenças k mais hj em dia tendem a aparecer mais frequentemente. Deixa-me dizer-te meu amigo k o teu blog é uma grande fonte de infomação, admiro e tua inteligencia e sabedoria, continua a mostrar-nos estes posts deveramente uteis, um beijinho de amizade e de admiração:-)))Mu@@@@@@@@@

    ResponderEliminar
  2. Boa Noite meu caro senhor.Este é sem duvida o melhor blog por mim lido,e olhe que foram alguns,nem encontro palavras para dizer o que penso dele...Não vivi ainda este problemas de diabetes,mas esta informação,é precisamente para pessoas como eu.O meu muito obrigada e bem haja.Beijos

    ResponderEliminar