quarta-feira, dezembro 07, 2005

44 - Em Nós Começa...

Mais um feriado que vem, mais uma ponte que muitos aproveitarão de modo a usufruir de 4 dias que se quer sejam de prazer e descanso, que se quer seja o de rever familiares ou amigos, que no fundo se pretende que seja “um ir e voltar em segurança” , como sempre desejamos em circunstâncias idênticas, aproveitando estas datas para umas mini férias, tantas vezes interrompidas…

Em Nós começa a Prevenção...
Há condições que todos nós devemos ter presente e não encarar as deslocações como somente um acto de prazer, mas acima de tudo como uma sensibilização para o facto de sermos todos auto-mobilizados e não só no dia a dia, mas também nos trajectos mais ou menos longos, e nos preocuparmos em utilizar uma meio de transporte, da melhor forma, como não sendo um acto exclusivo, mas atendendo a que milhares como nós, se cruzam por essas estradas fora. Normalmente sempre nos preocupamos de uma ou outra forma quanto ás condições para as quais sempre somos alertados, quer do estado da viatura, quer do estado do tempo, mas também do nosso estado físico, se tudo está de modo a correr o melhor possível. Será que sempre assim acontece ? – verificam-se os pneus, os travões. o estado da direcção, a sinalização, os faróis, o pára-brisas, a suspensão… Será que sim? Mas, tão importante como tudo isto devemos também ter sempre presente o acondicionamento da bagagem, não só exteriormente, mas também interiormente. Quantas e quantas vezes não avaliamos a carga e o seu peso, tendo em conta o máximo admissível pelo veículo. Tenho medo de andar na estrada, acreditem que sim, sei que não só o atender e respeitar as regras fundamentais, é suficiente, mas é decerto mais que ½ caminho andado, mas há entre outros factores, um que eu, se calhar como tantos outros, não assumo plenamente como uma acto a ter na máxima consideração e é esse o assumirmos o compromisso próprio de que iremos numa destas saídas, sem excepção , respeitar todas as regras, e consequentemente evitar os excessos. Era bom que assim fosse… Quais são?, todos sabemos: - fundamentalmente a ingestão de bebidas alcoólicas, e que esta não é somente uma falha punível perante a lei, mas acima de tudo, e aqui entra o respeito por nós próprios e pelos nossos semelhantes, o termos a noção que é um enorme factor de risco de acidente, senão o maior. Depois, há períodos da nossa vida (eu também já fui assim) quando gostamos de mostrar “a bomba” que temos, em que o sangue fervilha nas artérias, em que o assumir o risco não acontece, ou até mesmo nos alheamos desse compromisso que temos com a própria Vida. Também já fui “acelera” , também já vivi essa época, em que só por isso me julgava o maior, em que gostava de fazer o gostinho ao pé no acelerador, mas a consciência acabou por falar mais alto… Não quero com isto condenar a juventude, mas sim deixar o meu alerta, tal como o faço não só a min próprio mas também a todos os outros, o Perigo espreita e quando menos esperamos, acontece. Quantas vezes não atendemos ao estado escorregadio do pavimento, à velocidade excessiva, (só porque olhamos para o retrovisor e não vem ninguém), como se a única coisa que nos faz abrandar seja o carro da brigada de transito. Pois é… mais um feriado, mais uma ponte e mais uma vez somos levados a pensar em nós (será que pensamos?) e menos ou quase nada nos outros.. Então, meu Amigo procure cumprir e fazer cumprir, e se me vir por aí a falhar, alerte-me, é o que eu lhe peço, há muitas situações para as quais nos esquecemos e também precisamos ser (re)lembrados. Não tenho certo qual o dia do Deficiente, sei que anda algures por estes dias, penso que era dia 09 Dezembro, mas que passou posteriormente para o dia 03, no entanto não queiramos participar de forma a que sejam todos os dias dia do deficiente. A Prevenção não está só nos outros ela acima de tudo começa em mim, começa em Si. Não ingira bebidas alcoólicas; mantenha uma velocidade que lhe permita viajar em segurança; atenção ao estado do pavimento; ultrapasse só depois de se certificar que o faz em segurança; diga não às manobras perigosas; enfim faça um resumo da forma que deseja que os outros condutores procedam e no mínimo seja melhor que eles… Já agora não esqueça, faça um rastreio à sua forma de conduzir, coloque o cinto de segurança e… Boa Viagem,
Já sabe, quero-o de volta aqui, e essa é a melhor coisa que Você me pode dar…
________________________
Um Abraço com Amizade / GW

1 comentário: