sábado, maio 27, 2006

89 - Chat(eando)...


Sábado à tarde, 31º no termómetro e ainda nem 15 horas são, apetece-me ir até á Praia mas não posso, apesar de a ter aqui tão pertinho. Dei uma volta pelo chat do aeiou onde frequentemente entro, ultimamente mais para simplesmente dar um olá a Amigos, muitos dos quais deixaram ao tempo de ser virtuais, para serem reais e pessoais. Vou partilhar alguma palavras convosco, motivado por uma certa conversa que mantive um destes dias, cujo tema e desenvoltura provou mais uma vez o que aqui vou escrever.

Chat(eando)...
Há muito que enveredei pelos meios da chatemania, por muito que as minhas palavras possam ir ao desencontro de opiniões, quero frizar acima de tudo que, as pessoas são todas diferentes em termos de pensar e de agir e cada um dará ao uso e ao porquê de frequência de uma sala de chat, conforme o que pretende que ela seja para si mesmo.
Angariei dezenas e dezenas de Amigos, a maioria deles conhecidos pessoais, que, ao longo dos anos perduram, quer trazidos e mantidos por uma questão hoje de pura Amizade, quer tão sómente por motivo de partilharmos juntos vivências do dia-a-dia. Sei, e é um facto as pessoas que percorrem as salas de chat entre outras coisas, procurarem este meio para uma aproximação íntíma, nota-se a cada palavra escrita caso a caso, outras há que simplesmente entram pelo prazer de ocupar algum tempo numa risada constante quiçá pela troca de uma anedota, ainda há as que como "reservam" o seu lugar, qual esplanada de jardim, e por lá ficam simplesmente desejando um bom dia, transmitindo um sorriso, outras ainda quase como que ficando à porta, observando quem entra e sai, como se diz utilizando palavras "chatais", cuscando. É verdade , há também apesar de quase sempre lamantável e, não posso deixar de parte as que simplesmente entram para armar confusão...
Mas a Net, é muito mais que isso e, se assim o entendermos ela e os seus intervenientes pode/podem transmitir-nos algo tão importante como o que encontramos no real, muitas vezes até com a mesma intensidade , comprensão , partilha e Amizade , cuja situação nos leva a uma aproximação afectiva sempre e quando nos sentimos em momentos menos bons.
Não vou negar ter-me sentido "mais próximo de alguém" através da sala de Chat que frequento, como costuma dizer-se "um homem não é de ferro", também conheço a frase "nunca direi , que desta água não beberei", mas a verdade é que a minha presença ainda hoje por essas salas se prende tão sómente com uma explicação.
Em finais de 1998, num momento delicado da minha vida, motivado por uma situação de doença grave de uma pessoa muito querida, entrei por acaso numa sala, designada então como "Lazer", pertença de um Chat ao qual ainda hoje me sinto fiel. Com uma troca de palavras acontecida então me apercebi que a existente à epoca como "Regional" se identificava mais com a minha personalidade, quase de imediato a ela me adaptei, fazendo dela o meu cantinho preferido onde espairecia mágoas, pelo que a Vida e pelos momentos que esta me estava a fazer atravessar.
Não entrei ali para "engates", como se costuma dizer, para "engates" então teria ido para empregado da CP, entrei sim pela dificuldade em encontrar cá fora, perto de mim, alguém que pudesse ouvir minhas súplicas e naquele momento me dar a mão. Nessa sala, encontrei pessoas por detrás de nicks que me ouviram , que me deram a mão, que disseram presente no momento que necessitei, pessoas que até sem se identificaram partilharam momentos que para mim foram o alento para enfrentar o dia-a-dia. Foram momentos em que de tudo houve:- emoção, choro, alegria, gritos de dor , desespero até, mas cuja ajuda aqui encontrada me fizeram levantar a cabeça e viver um dia de cada vez... felizmente hoje, o problema de saúde encontra-se 80% sanado, mas não esqueço o apoio recebido.
Raízes que ficaram, Amizades que cresceram, sentimentos que se repartiram, tão bom é termos quem nos escute, que nos deixe gritar o que nos vai na alma, que nos ampare, que nos transita a palavra certa no momento exacto, que nos dirija a palavra com um sorrriso, que nos telefone, que nos escreva, que nos visite, pessoas que mesmo longe nos dão de si como se estivessem junto a nós... Pessoas que são e sabem ser AMIGOS .
Não foi a situação relatada atrás um acto isolado, já em outros momentos, quer mais tarde motivados por adicção de um filho a substâncias químicas, quer hoje pela situação pessoal e delicada que atravesso, todas essas pessoas não só as conhecidas mas também outras que vão surgindo a cada vez que entro no Chat tiveram e continuam a ter sempre uma palavra de conforto para comigo.
Hoje, tal como então, entro na sala e procuro falar com todos, criando a cada momento um elo onde permanece um convívio são e a recompensa é tão gratificante como da 1ª vez, onde em cada nick encontro um Amigo. Uma experiência que trouxe à minha presença mais de uma centena de pessoas, pessoas essas que fazem da permanência nas salas o saber dar, o saber estar, num respeito que se quer seu, mas acima de tudo num respeito pelo próximo. É assim que quase sempre o estar presente numa sala de Chat se traduz em momentos bem passados, de Alegria, de amena cavaqueira, de saber dar algo de si a outrém, de sinceridade, e isto tudo junto sim, nos levará a uma Amizade sentida.
A todos os que me "visitam" aqui, acreditem que há muito mais numa sala de chat do que um simples acto de "namoro". Aos que comigo "contracenaram" neste acto da Vida, o meu obrigado pelo que me deram.. Uma sala de chat pode ser isto e muito mais...

Bom dia para todos
GW

2 comentários: